Você está aqui: Capa / Todo Conceito / Feirão do Imposto será lançado em São Luís nesta sexta-feira, 7

Feirão do Imposto será lançado em São Luís nesta sexta-feira, 7

Evento reunirá autoridades locais em torno do tema “Chega de Mão Grande”, em debate sobre o impacto da corrupção na dinâmica tributária

O Feirão do Imposto chega à sua 15ª edição em 2017 e será lançado na próxima sexta-feira (7), em São Luís. Na capital maranhense, a campanha deste ano é resultado de uma parceria entre a Associação dos Jovens Empresários do Maranhão (AJE-MA) e o Conselho do Jovem Empresário da Associação Comercial do Maranhão (Conjove-ACM). O evento vai acontecer às 19h, na sede da ACM, no Centro.

Na ocasião, estarão presentes o secretário de segurança do Maranhão, Jefferson Portela, e o Conselheiro Estadual e Presidente do Tribunal de Ética da OAB/MA, Antônio Gaspar, que debaterão o tema da campanha em 2017, “Chega de Mão Grande”, em alusão ao combate à corrupção em prol do retorno dos impostos pagos pela sociedade. O mote do Feirão, a propósito, é conscientizar a população sobre a alta carga tributária no Brasil. Na esfera nacional, a Confederação Nacional de Jovens Empresários (Conaje) encabeça a campanha, que é realizada em mais de 100 brasileiras.

O presidente da AJE-MA, Jurandy Theophilo, ressaltou o compromisso dos movimentos empreendedores jovens no programa. “Milhares de jovens no Brasil se juntam para dizer não à corrupção”, ressaltou. Já a presidente do Conjove-ACM, Camila Campos, comentou o caráter pedagógico da iniciativa. “Com esta conscientização queremos despertar a população para que possa cobrar um melhor retorno dos valores dos tributos”, destacou.

O Dia D, evento principal do projeto, está previsto para 27 de maio, quando acontecerá uma grande manifestação nacional para chamar a atenção da população sobre a importância da correta aplicação dos recursos arrecadados. Até lá, outras ações estão marcadas, a exemplo do Happy AJE (momento de confraternização), do Café Político ― oportunidade em que associados se reúnem com autoridades locais ― e de ações no comércio, como venda de itens sem incidência de carga tributária.

Corrupção x Impostos

Segundo a Organização de Transparência Internacional, o Brasil piorou três posições no ranking sobre a percepção da corrupção no mundo em 2015, ficando na 79ª posição entre 176 países, ao lado de China, Índia e Bielorússia. O estudo leva em conta outros 13 levantamentos relacionados a corrupção realizados por instituições como Banco Mundial, World Justice Project e Global Insight.

De acordo com a Organização das Nações Unidas, estima-se que, aproximadamente, R$ 200 bilhões são desviados no Brasil, por ano. Este valor significa três vezes o orçamento da saúde ou educação, e cinco vezes o orçamento da segurança pública.

 

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll To Top